quarta-feira, 27 de junho de 2007

Mediação:estudos iniciais de um conceito. (Miriam Celeste Martins)

"Parar para pensar,parar para olhar,parar para escutar,pensar mais devagar,olhar mais devagar,e escutar mais devagar;parar para sentir,sentir mais devagar,demorar-se nos detalhes,suspender a opinião,suspender o juízo,suspender a vontade,suspender o automatismo da ação,cultivar a atenção e a delicadeza, abrir os olhos e os ouvidos,falar sobre o que nos acontece, aprender a lentidão,escutar aos outros, cultivar a arte do encontro, calar muito, ter paciência e dar-se tempo e espaço."

(Jorge Larrosa,2001)

Síntese realizada pelo grupo de estudos arte na escola.

Mediação é provocação,não é imposição de idéias mas leva o aluno a perceber ângulos inusitados com diferentes perspectivas de seu próprio pensamento.
Os conteúdos essenciais da disciplina tornam-se relevantes, quando faz sentido ao aluno de modo que possa vivenciá-lo em seu cotidiano.Ir ao encontro do repertório cultural,conectado aos interesses do educando,pressupõe:
- Considerar a idade e cultura do outro(aluno / público);
- Facilitar a leitura visual;
- Trabalhar não só o interesse dos alunos;
- Levar em conta o conhecimento prévio;
- Propiciar a experiência criativa;
Mediar é estar entre, um estar ativo,flexível e propositor, estar como uma ponte entre obra e leitor entre aquele que produz e aquele que lê,entre aquele que sabe e o que não sabe, um constante diálogo estimulando para conectar conteúdos e interesses.
Através de contrato e transposição didática, instigando o interesse e o desejo do conhecimento despertando descobertas e interagindo com perguntas,observações e emitindo opiniões.
Mediação é ampliação de conhecimento, tem que fazer sentido e relacionar com experiências para desenvolver o estético estimulando e ressignificando o conhecimento.

Nenhum comentário: